Antes de eu dar qualquer opinião, você precisa assistir nosso Recapitulando dos Episódios IV, V e VI.

MENTIRA! Só falei isto pelo jabá e para nessa brincadeira dizer que o sétimo episódio dessa eterna saga espacial se sustenta 100% sem seus predecessores. Esse sem dúvida é o primeiro e maior mérito do filme, que gerará uma legião de novos fãs de Star Wars que crescerão e amadurecerão com a saga, assim como meus pais cresceram com a trilogia clássica, e eu com Harry Potter.

Agora é hora de pisar em ovos e tentar falar do filme sem revelar qualquer spoiler. Afinal, este é um filme merece que cada surpresa seja realmente uma surpresa. Então, comece esquecendo 90% das suas e de todas as teorias espalhadas pela internet. O plot de Star Wars 7 pode não ser a coisa mais complexa do mundo, e nem vai concorrer a melhor roteiro, mas certamente te surpreenderá com algumas decisões.

Se você é fã de longa data então, uma (ou duas) dessas decisões te chocará. E você irá chorar. FATO! Na verdade, se você for um fanboy molenga igual eu, você vai chorar até nas lutas de X-Wing com TIE-Fighters porque ISSO É STAR WARS! O filme não parece descolocado do universo da franquia como o Episódio I parecia, você se sentirá como uma criança de novo. O filme é palpável.

São só flores, então? Não. Nunca é. Nenhum filme. Houveram personagens que achei subaproveitados e cenas tão parecidas com algumas do Episódio IV que me incomodaram. A referência talvez tenha sido boa, mas fiquei com a sensação de “já vi isso antes”. Agora, o principal problema, que talvez seja pessoal meu, é o final. Relaxe, não haverá spoiler, mas é o clássico “vamos deixar tudo em aberto para você ser obrigado a ver o próximo filme” que temos tanto hoje em dia. Eu prefiro quando o entretenimento é completo. Como foram os Episódios I, IV.

Ainda assim, todos esses “defeitos” acredito que sejam mais fatos que não conversam com a minha pessoa do que reais defeitos no enredo do longa. Com exceção dos “personagens subaproveitados”.  Com isso afirmo o que venho dizendo faz tempo: A Disney foi a melhor coisa que aconteceu com Star Wars. A produção é gigante, o humor é no ponto certo (Sem Jar Jar metendo língua em motor de Pod), os personagens são carismáticos e o universo é muito imersivo. Espero que a força esteja conosco pelos próximos seis anos e além!

Aliás, deixe-me agradecer imensamente a Disney Brasil pela oportunidade dada ao CinescópioTV de conferir o filme em pré-estreia na cabine de imprensa. 😉

Deixe seu comentário:

2 COMENTÁRIOS

Deixe um comentário